Empresas que não sabem divulgar suas vagas

Sou cadastrado em alguns serviços de divulgação de vagas, sigo blogs, sites.
E tenho recebido e acompanhado casos de empresas que divulgam vagas que jamais serão preenchidas da forma como são solicitadas.

Sim, empresas que querem contratar um verdadeiro “Guru da Tecnologia”, um profissional que tenha conhecimento de tudo, que consiga resolver qualquer questão.
Vejam um exemplo, uma oportunidade que recebi por e-mail:
Claro, o bom profissional não pode se dar ao luxo de não se atualizar, de sempre procurar novos conhecimentos, de se manter por dentro do mundo tecnológico.
Mas as empresas continuam com suas vagas para profissionais “Jedi”.
Querem o profissional que consiga dominar plataformas de desenvolvimento que são completamente diferentes, quase opostas.
E todos sabem, não adianta querer abraçar o mundo.

Você precisa sim, ter conhecimentos bastante amplos, mas querer dominar por completo, todos os meios de trabalho, não vai funcionar.
Você vai acabar como muitos, sabendo um pouco sobre muita coisa.
Mas não seria melhor, saber muito sobre algumas coisas mais especificas?
Claro, sem fechar os olhos para todo o resto.

E mais, oferecem valores distantes da realidade, querem o super profissional, a preço de banana.
Logo, as vagas nunca são preenchidas.
Com isso, as empresas conseguem se complicar ainda mais, enviando a mesma vaga, por duas ou mais vezes para uma mesma pessoa.

Comentários

One thought on “Empresas que não sabem divulgar suas vagas

  1. Esse é um tema mto polêmico, não só na área de T.I. As empresas tem investido em profissionais considerados “polivalentes”, ou seja, precisa saber e entender de td na área de atuação. A justificativa é muito simples e objetiva: Quadro de funcionários cada vez mais enchutos e corte nos gastos com mão de obra. Claro que isso acarreta em uma dificuldade em obter a tal mão de obra qualificada, a qual todas as empresas vem apresentando grande dificuldade de contratação. Penso que o problema vai muito além de mandar a vaga duas vezes para o mesmo profissional, pq invariavelmente, essa vaga será preenchida (com dificuldade, mas ela será..), mas sim a qualidade do trabalho que será executado e o reconhecimento ideal desse profissional. Eu já vi algumas empresas defendendo com afinco as vantagens da contratação desse profissional, e em alguns setores isso realmente se justifica e até me convence, porém, nesses casos, a empresa toma para si a responsabilidade de formar o profissional o que eu defendo a ferro e fogo! Não sei se me fiz entender, rs, mas é mais ou menos isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Website